footer social

O que eu fiz em um final de semana no Rio de Janeiro! #amosoutour

Ai rildy, como eu amo essa cidade! Essa foi a terceira vez que fui no Rio e não repeti nenhum programa que já tenha feito, e ainda sobrou mais coisas pra voltar! Quem quiser conferir o post da minha última visita ao Rio, é só clicar aqui. Mas, antes disso, vamos aos novos rolês:

Sexta-feira eu conheci a praia de Joatinga, QUE HINO DE LUGAR!! Ela fica bem longe e o sinal de celular é bem ruinzinho, mas conseguimos ir e voltar de cabify (saindo da Tijuca pra lá deu 40 reais). Lá é uma praia bem pequena com água super azul, e valeu muito a pena o passeio, porém dois avisos: 1-Fique de olho na maré! Como tem pouca extensão de areia, se a maré subir, adeus praia. No dia que fomos, umas 15h a maré começou a ficar bem alta, então vale a pena chegar cedinho e aproveitar. 2- Para chegar na praia, você também vai passar por algumas muitas pedras, então se prepare para algumas possíveis quedas. Outro detalhe é que na praia, por ter um acesso difícil, não tem ambulantes, leve sua garrafa de água e seu lanchinho!


De noite, fomos pra um karaokê na famigerada Feira de São Cristóvão! Que rolê raiz, Brasil, nunca me senti tão em casa! Além do karaokê, rolam diversos showzinhos de forró e samba, e vários barzinhos com comidinhas legais. Se não quiser consumir no bar, tem umas barraquinhas de tapioca e uns bares que servem pratos hinários como batata frita com queijo coalho! Também tem diversas barraquinhas com caipivodka caipiroska de 500ml por 15 reais. Minha dica de sempre: peçam pra misturar morango e limão! Já lá no karaokê, é 50 centavos a ficha, a fila é meio grande, mas é só ter fé que uma hora você canta!

No dia seguinte, fomos pra a praia de Ipanema ficar de boas e comer um biscoito globo que, para quem é do meu país Salvador, um choque: é igualzinho ao nosso famoso aviador! 



Também fui tentar almoçar no famoso TT Burguer de Copacabana, mas achei meio caro e com pouca variedade de cardápio, porém pedi um HINO de milkshake de Nutella por 22 golpinhos. Resolvi comer mesmo no 'The Bar', coladinho com o TT, não tem erro! Destaque para os pães, o meu de alho com ervas estava uma delicia e o outro é de pimenta biquinho! Pagamos 28 reais nesse hambúrguer e dava pra escolher pão, molho e tipo de queijo!



De tarde, fui conhecer o Pier Mauá, pertinho do Museu do Amanhã. Lá tem o famoso grafite feito pelo Kobra, com indígenas de cinco continentes. Pra quem não sabe, o grafite entrou para o Guiness Book como o maior grafite do mundo, legal, né? Ele de Fato é ENORME e LINDÍSSIMO! Eu amei demais <3 Lá no pier também rola uma galera andando de skate, alguns food trucks e até o youtube space, vale a pena conferir!



De noite eu fui ver mozão!!! Entre um 'Te quero gatinha' e muitas dancinhas rebolativas, Bruno Mars e sua equipe MA-RA cantaram cerca de uma hora e meia com diversos hits, desde 'Just th way you are' até os mais novos como '24k Magic' e 'Versace On The Floor'. Eu, como uma boa fã, achei que faltaram algumas músicas, mas no geral o show é muito divertido e tem uns efeitos pirotécnicos muito legais. E claro, mozão é puro carisma!

Domingo eu fui bater meu ponto na feirinha de Ipanema, sempre acho coisas muito legais por preços ótimos, e dessa vez não foi diferente! Comprei uma bolsa redondinha de couro que já estava querendo há tempos, por 55 reais, e dois brincões que eu amo, por 25 reais cada.




De noite fomos conferir o bloquinho do Sargento Pimenta, que fazem o som dos Beatles em samba, no Lavradio, e depois fomos conferir a Orquestra Voadora no Aterro do Flamengo. E foi muuito divertido, adorei que o carnaval e a glitterização no Rio começa cedinho!

E ainda assim gostaria de ter feitos vários outros programas, parece que terei que voltar, hein, errejota?


  , , , , , , ,

Precisamos falar sobre dobrinhas!

Este post começou quando eu desisti de postar uma foto porque estava com dobrinhas. Na verdade, eu nem pensei em postar essa foto porque eu estava com dobrinhas. Logo você? Feminista, empoderada e blábláblá? Se criou uma cultura que para ser feminista e lutar contra padrões de beleza você tem que amar 100% do seu corpo o tempo todo. Mas não tem problema querer mudá-lo, não! Basta ser uma mudança saudável e SUA, não porque algo ou alguém exige de você, mana! Para entender melhor, eu recomendo esses dois hinos de textos: 'Sou feminista e não consigo amar meu corpo' e 'O que você deixou de fazer por conta da sua aparência?'. É só clicar no nome que vai direto para eles!

Além disso tudo, revi essa propaganda MARA da Special, falando dos nossos corpos e perspectivas:


Aí que eu lembrei de dois instagrams MARAVILHOSOS, de duas mulheres incríveis e com corpos lindos. Sim, eu olho as fotos da @mbottan e da @ellorahoane e fico pensando o quão maravilhosas e infinitamente mais lindas elas estão depois da luta contra a bulimia. Veja bem, não só porque elas estão aparentemente mais saudáveis, mas porque elas estão claramente mais FELIZES, e quem vai dizer que é errado estar assim?

AUTO-DESPREZO/AUTO-FELÍCIA 🤙🏻 . Na fase aguda da bulimia, cheguei a pesar 38 quilos e odiava meu corpo mesmo assim. No começo do tratamento emagreci com educação alimentar e exercício, sem passar fome, mas continuava infeliz. Sentir a obrigação de moldar a nossa forma, mesmo que de um modo "saudável", pode não matar o corpo mas adoece a alma e mutila a liberdade. Cheguei a 15% de gordura corporal e ainda não era suficiente. Foi quando percebi que nunca seria. . Amar o nosso corpo não tem nada a ver com o nosso corpo, o trabalho é com a nossa cabeça! É treinar todo dia pra lembrar que seu corpo é seu principal aliado, seu veículo, seu lar, não um enfeite escravo do olhar alheio. . Que se para te amar alguém precisa que seu corpo seja moldado, talvez não seja amor. Que não foram corpos com zero gordura que ajudaram a humanidade a evoluir, e sim cérebros curiosos, dedicados e bem alimentados! E o mais importante: que não importa o nível de beleza que você alcance, ela irá embora junto com o tempo! Bóra parar de enxugar gelo e inventar a geladeira? 🤙🏻💜 . #anorexia #bulimia #compulsaoalimentar #transtornoalimentar #ortorexia
Uma publicação compartilhada por Mirian Bottan (@mbottan) em



Aí junta tudo isso com esse vídeo MARA da Niina junto com a Ju Romano, duas lindas, falando sobre padrão e magreza!


Eis que, após um post lá no instagram do futilidades, eu conheci a hashtag #libertemasdobrinhas. Juntei tudo isso que falei aí em cima e pensei: sabe o que? VOU POSTAR MINHAS DOBRINHA TUDO!!!




E se alguém relcamar, more? Faz uma camiseta igual a da Tati Quebra Barraco e sai por aí, bjs
Resultado de imagem para quem tá comendo não tá reclamando

  , , , ,

Big Little Lies: Afinal, a série superou o livro?

Lembram que comentei de Big Little Lies?? A série destruiu no Emmy 2017 e levou 8 prêmios incluindo o de melhor minissérie de drama. O seriado chamou atenção por ser produzida e atuada pelas atrizes Reese Witherspoon e Nicole Kidman, as duas leram o livro 'Pequenas Grandes Mentiras' best-seller da Liane Moriarty e trouxeram para as nossas telas!

Resultado de imagem para big little lies gif

Eu fiz questão de ler a obra original antes de ver o seriado e notei algumas mudanças, umas boas e outras não tanto assim. Quer saber? Vem comigo! E sem spoilers tá?


Big Little Lies fala sobre violência doméstica, traição, estupro e bullying durante seus 6 episódios, cada um com cerca de 50 minutos. Gosto muito do jeito que foi abordado, pois tanto o bullying quanto a violência doméstica eu achei que foram tratados de forma diferente do que normalmente vemos na TV.


Renata da série > Renata do livro

No livro temos capítulos alternados pela visão das protagonistas Celeste, Madeline e Jane. Já na série podemos ver melhor a história de outras famílias como a da Renata e da Bonnie, e ver como os fatos no decorrer da série afetam cada uma, ponto positivo pra o seriado. Outra coisa legal é que na no seriado aparece um pouco do dia-a-dia das crianças e elas são demais! Chloe, eu te venero!!

PISA MENOS CHLOE!!

Outro ponto positivo do seriado com certeza é poder utilizar recursos como trilha sonora e fotografia! A serie, diferente do livro que é na Austrália, se passa na Califórnia com lindos takes com o mar. A trilha sonora, comandada muitas vezes pela Chloe <3, passa Frank Ocean, The Flaming Lips e obviamente por Elvis Presley!


A história de Celeste foi a que menos ocorreram mudanças, sendo bastante parecida com os livros. Já as histórias da Jane e da Madeline foram modificadas, e não acho que no bom sentido. Adicionaram um drama a mais na vida de Madeline que eu sinceramente achei meio desnecessário, fora que o casal Madeline e Ed no livro é muito mais legal e carismático. Já a história de Jane é muito mais interessante do que a que foi mostrada, tendo a série diminuído algumas coisas e exagerado em outras.



No filme podemos ver claramente intrigas e briguinhas entre mulheres que, infelizmente, ainda são bem comuns. O seriado acertou a mão na personagem Renata e na Madeline, apesar de sentir muita falta de algumas falas feministas dela no livro. A amizade entre as protagonistas e o fechamento também dão aquele gostinho de sororidade que a gente gosta!


Ingra, você acha que vai ter segunda temporada? Acho bem desnecessário, só se rolar um suuper roteiro. pra mim, é melhor deixar quieto mesmo!
No fim das contas eu tive a sensação de que o livro me contou a história de uma forma melhor mas que ainda vale a pena assistir sim!

  , , , , , , , , ,

AMOSOU DE SETEMBRO: MELHORES LINKS DO MÊS!

Sabemos que o meio Nerd pode ser extremamente machista, apesar de várias mulheres estarem conquistando mais espaços nesse meio, percebe que poucas delas são negras? Lá no Olga tem um textinho 'Porque a cultura Nerd odeia as mulheres negras?' que é muito interessante com vários exemplos de novas heroínas negras. Porém queria lembrar desse TIRO que é essa Iron Woman(?) nova, olha essa plenitude:


Resultado de imagem para iron man girl
PISA MENOS RIRI WILLIAMS
Setembro foi o mês do Oscar da Televisão: O Emmy Awards. Todo ano eu descubro series maravilhosas, ano passado foi minha amada American Crime Story (pfvr leiam esse post e assistam essa série!!) esse ano, o Emmy teve sua edição com mais diversidade de todas, além de ser bem feliz e feminista ao premiar sérias como Big Little Lies e The Handmaids Tale. Confira todos os ganhadores nesse link.
Nicole Kidman, Reese Witherspoon e o resto do elenco e da equipe de 'Big Little Lies' agradecem o Emmy de melhor série limitada (Foto: Mario Anzuoni/Reuters)

Também recebemos a triste noticia de que chocolates como Lollo, Chokito e Serenata de amor pararão de ser produzidos no Brasil. COMO VIVER DEPOIS DESSA INFORMAÇÃO?? Para tentar acalmar nossos corações pelo menos achei essa receita maravicherry de brigadeiro de chokito AMÉM TASTEMADE! Clica no link aqui pra ver a receita dessa delicia!


QUERO

A polêmica do mês foi sem dúvidas a tal da 'cura gay'. Muita gente ficou bem inflamada com a decisão, já ouras disseram que a resolução não era tão radica assim. Eu achei esse link do El País muito bom pra compreendermos melhor o que de fato aconteceu!

Cura gay

Mal ficamos órfãos de Game Of Thrones e já temos noticias fresquinhas das gravações da oitava temporada. Primeiramente fora temer nossa Khaleesi Emilia Clarke largou as perucas e finalmente pintou os cabelos para platinado Targaryen, o que será que isso quer dizer hein? Além disse parece que cada episódio da próxima temporada deve custar cerca de 15 MILHÕES DE DÓLARES POR EPISÓDIO segundo esse link aqui do Buzzfeed


E por fim, a nossa playlist do mês! Com lançaments bapho de Sam Smith, Zayn e Maroon 5!


O que vocês viram de legal em setembro?
  , , , , , , , ,

Publicidade 1